Citações, Música, Fotografia, Desabafos, Notícias & Opiniões de uma Lusitana em Terras da Germânia

Montag, Juni 06, 2005

Coisas Bonitas



Como com imaginação se fazem coisas tão bonitas.
Apenas com um pequeno excerto de uma grande obra de Milan Kundera, o Tiago fez uma homenagem a nós emigrantes [ou não].
Grata pela surpresa e pela parte que me toca, é uma honra figurar a palavra “país“.
Comments:

11 Comments:

  • At 3:56 vorm., Blogger Nic said…

    emigrantes?!?! como e' que se pode ser emigrante quando se vive ca' dentro?
    E' que nem todos os que o Tiago mencionou "vivem la' fora"!
    :)

     
  • At 8:17 vorm., Blogger Micas said…

    Dou-te toda a razão Nic, pior do que morrer é viver-se morto...não é de todo o meu caso ;))
    Dizes que nem todos os que o Tiago mencionou"vivem lá fora", eu diria que todos os que o Tiago mencionou "vivem cá dentro tb", contudo é assim que somos rotulados, de qualquer maneira tens razão, vou alterar o texto.

     
  • At 10:18 vorm., Blogger imanente said…

    Que todas as homenagens sejam-te feitas porque as mereces. É uma enorme honra teres a palavra país associada ao teu blog. haja justiça. um abraço

     
  • At 9:03 nachm., Blogger Paulo Ferreira said…

    Muito imaginativo, e justa a homenagem. Quem nunca viveu desenraízado que atire pedras. A vida por si só é dificil. Longe de tudo o que mais queremos, nem imagino. É preciso uma fibra especial.

     
  • At 11:27 nachm., Blogger musalia said…

    linda a homenagem do Tiago! para quem vive longe é muito gratificante sentir-se acarinhado pelas palavras, como um afago.
    beijinhos Micas.

     
  • At 11:48 nachm., Blogger Å®t_Øf_£övë said…

    Amiga,
    Já lá fui ler o post a que te referes.É bom ver que na blogosfera se consegue criar este espirito e até alguns laços de forte amizade mesmo que por vezes as pessoas não se conheçam pessoalmente.
    É este post um pouco como que uma lição daquilo que significa a blogosfera e um pouco também daquilo que ela pode e deve ser.
    Bjs.

     
  • At 12:53 vorm., Blogger persephone said…

    sorrio apenas:)

     
  • At 3:33 vorm., Blogger Betty Branco Martins said…

    Eu também já vivi fora de Portugal, em países diferentes, sei qual é o sentimento. O que o Tiago fez é muito bonito (atitude) e imaginativo, está de parabéns.

    Beijinhos

     
  • At 4:55 vorm., Blogger Nic said…

    Micas,
    ah assim ta melhor, obrigado.
    nao ha nexexidade do estereotipo de "valise de carton" com saudades do meu Portugal...LOL
    :)

    betty,
    entao que sentimento e' esse?
    nao sera o de se estar de corpo presente num sitio e o espirito noutro?
    viver fora de portugal nao e' esse dramatico fado de mala de cartao... desde que o corpo e o espirito estejam no mesmo sitio e a curtir!
    :)

     
  • At 9:49 nachm., Blogger O Universalista said…

    Ora pois que também já fui uma espécie de emigrante, durante quatro anos vivi no meio dos Oceanos deste mundo. E uma experiência bonita, que deixa marcas, mas difícil. Gostei da homenagem e continuo a gostar deste blog.. :o)

     
  • At 10:22 vorm., Blogger Ana said…

    Olá Micas... foi através desse mesmo post que encontrei o teu cantinho... e adorei! Vou passar por aqui mais vezes... vou adiciona-lo a minha lista de links pode ser? Jokas de outra tuga no mundo

     

Kommentar veröffentlichen

<< Home


referer referrer referers referrers http_referer